$type=grid$show=home$count=5$label=0$tbg=black$meta=0$snip=0$rm=0

Crítica | Doctor Who: Sleep No More




Eu não tenho certeza se existe uma palavra melhor do que decepção para descrever esse episódio. Eu realmente esperava muito mais dele. Quando li a sinopse, achei que Mark Gatiss fosse fazer algo mais parecido com “An Adventure in Space and Time” em termos de qualidade, mas ao invés disso acabamos com algo ainda pior do que “Robot of Sherwood”.

Para não ser injusta com o episódio, vou dizer que sim, a mudança de formato foi interessante. Uma série tão longa como Doctor Who, que alás completa 52 anos hoje, precisa de algumas mudanças como essa. Mas só porque a história é contada de uma forma nunca vista antes em Doctor Who (o found footage, que basicamente quer dizer ‘filmagem encontrada’) não quer dizer que não tenha sido chato. A falta de enredo se esconde atrás dos cortes de cena e da desculpa de que a história é contada através de diferentes pontos de vista.  

Basicamente, a história se passa num laboratório orbitando Netuno que não deu nenhum sinal de vida em 24 horas. Pela segunda vez nessa temporada temos uma história em que o Doctor fica preso em um local fechado com a tripulação enquanto enfrenta um monstro. A diferença é que dessa vez não temos uma tripulação e sim uma equipe de resgates que é chamada para entender o que aconteceu na estação. Porém, quando a chega, encontra o lugar totalmente vazio, exceto por duas pessoas, Clara e o Doctor.




Tenho que admitir que gosto dessa naturalidade, o Doctor e sua companheira chegam a um lugar e tem uma conversar tranquila sobre a necessidade de usar a palavra “espacial” para descrever qualquer coisa que não esteja na terra. Uma discussão simples e que dá o toque cômico a cena. Aos poucos eles são engolidos pelo perigo e se encontram fugindo de monstros horrendos que parecem ser feitos de areia. 

Eles se juntam a equipe de resgates e se escondem numa espécie de laboratório onde encontram Rassmussem, o criador da tecnologia Morpheus. Vou tentar explicar do que se trata o Morpheus: é uma máquina que possibilita viver toda a experiência de dormir uma noite toda, em apenas 5 minutos. A explicação do cientista para a criação de algo tão absurdo é que passamos metade da vida dormindo, tempo perdido e tempo é dinheiro. Ou seja, os monstros que vamos conhecer aqui, foram criados a partir da ganância humana.

Após ligar os pontos, a máquina, os monstros e depois de analisar do que é feita a “areia” que compõe o corpo deles (material orgânico), o Doctor logo cria uma teoria de que os monstros são feitos de poeira do sono, que ele descreve como aquilo que você tira dos cantos dos olhos quando acorda. Sim, Doctor Who tem agora um monstro feito de remela, não sei se pode ficar muito mais esquisito que isso.




A partir daí as coisas ficam ainda mais esquisitas, o Doctor descobre que essa poeira do sono está em todo lugar e está filmando; a Clara também virou uma câmera ambulante quando ela entrou na máquina Morpheus; e descobrimos que tudo isso foi um plano maligno de Rassmussem (que no fim do episódio descobrimos não ser ele mesmo) para levar essa nova espécie para um planeta povoado e assim começar a acabar com a humanidade.

Apesar de tudo, tivemos algumas coisas bem interessantes em Sleep No More:
  • Tivemos a primeira atriz transexual a participar de um episódio de Doctor Who, Bethany Black, que interpretou a integrante da equipe de resgate 474. 
  • A revelação de que a Índia e o Japão se uniram devido a um desastre geográfico, a “Grande Catástrofe”. Ela foi citada pela primeira vez em Frontios (1984), na era do 5º Doctor.
  • Pela primeira vez tivemos um episódio sem o tema e o crédito de abertura, o que reforça a ideia de estaríamos assistindo a um vídeo feito por Rassmussem.
  • A referência notável a literatura de Sandman, personagem da Vertigo, criado por Neil Gaiman. Sandman – Sonho – Morpheus, está tudo interligado, queridos Whovians.
Este episódio deixou um monte de perguntas, algo que não vinha acontecendo nos episódios duplos. A humanidade será a mesma? Clara terá algum efeito colateral? Veremos esse plot novamente no futuro? A única certeza sobre esse episódio foi a ironia de eu dormir no meio dele. Fiquem com o teaser de “Face The Raven”:


COMENTÁRIOS

Nome

Amazon,1,Bertrand Brasil,1,Bethesda,1,Book4You,1,Cartoon Network,1,CD Projeckt RED,1,Cinema,23,Consoles e PC,6,Cosplay,1,Críticas,3,Críticas em Série,28,CW,8,DC,12,Disney,1,Doctor Who,15,EA Acess,1,EA Games,1,Editora Aleph,1,Editora Dame Blanche,1,Editora DarkSide Books,1,Editora Draco,7,Editora Hedra,1,Editora Lendari,2,Editora Mundo Uno,1,Editora Novo Conceito,1,Editora Record,2,Editora Seguinte,1,Editora Selo Jovem,6,Especiais,9,Especial Natalino,1,eventos,3,Fear The Walking Dead,1,FML Pepper,1,Fotografia e Arte,2,Galera Record,1,Gameplay,1,Games,4,Géssica Marques,2,Globo Alt,1,God Hand,1,Gone Home,1,Guardiões da Galáxia,1,Harry Potter,2,Heroes,2,Heroes Reborn,2,HQs,3,HQs e Mangás,5,Hulu,1,Independente,4,Indiecacao,3,Into The Badlands,1,Inverso,1,iOS,1,Iron Heart,1,Iron Man,1,It: A Coisa,2,iZombie,1,J. R.R. Tolkien,1,J.K. Rowling,1,Jessica Jones,1,Joe Schreiber,1,Jogos,16,Johnny Depp,1,Journey,1,Joyland,1,Jumanji,1,Justiceiro,1,Karen Alvares,1,Kingdoms of Amalur,1,lançamentos,2,Lançamentos Editoriais,1,lancamentos-livros,4,Leonardo DiCaprio,1,Life is Strange,2,listas-series,1,Livros e HQs,63,Maníacos Por Comics,1,Marcas da Guerra,1,Marjane Satrapi,1,Maroon 5,1,Marvel,5,Maze Runner,1,Mestre Gil de Ham,1,Mirror's Edge,1,Mobile,2,Moda e Estilo,1,Mr. Robot,1,Mulan,1,Mulher Maravilha,1,Mulheres,1,Música,6,musica-nerd,1,Mystery Box,1,Não Pare!,1,NerdJam,2,NerdLoot,1,NerdSpell,1,NerdStuff,6,Netflix,6,Netflix vs Prioridades,1,News,49,Notícias,1,Novembro de 63,3,O Despertar da Força,3,O Prisioneiro dos Daleks,1,O Último Gargalo de Gaia,1,Okami,1,Oscar,1,Overwatch,1,Parceria,8,Passengers,1,PC,1,Penny Dreadful,1,Pennywise,2,Persépolis,1,Playstation,9,Poeme-se,1,Pokémon GO,3,Porcelana,2,Preacher,2,Prêmio Nobel de Literatura,1,Promoções e Sorteios,4,Prova de Fogo,1,PS3,1,PS4,3,Punho de Ferro,1,Queen,1,Rami Malek,1,Resenhas,32,Resident Evil,1,Resident Evil VII,1,reviews-games,7,Revista Avessa,1,Revista Geeks,1,Revista TIME,1,Riri Williams,1,Rogue One,2,S.K. Treymane,1,Sense 8,1,Séries e TV,48,Setembro Amarelo,1,Singularity,1,Sir James Matthew,1,Sony Pictures,2,Square Enix,1,Star Trek,1,Star Wars,7,Stephen King,5,Stranger Things,1,Supergirl,2,TAG,1,Tech,3,Tecnologia,1,Testes e Quizzes,3,The Beatles,1,The Flash,5,The Game Awards,1,The Walking Dead,1,The Witcher,3,The Witcher III,2,Trailers,13,Trevor Baxendale,1,Troopers da Morte,1,TV Show Time,1,Única Editora,1,Van Helsing,1,Vanquish,1,Voo Fantasma,1,VR,1,Warner,3,Wattpad,1,Wayne de Gotham,1,Wild Hunt,1,WMF Martins Fontes,2,Wonder Woman,1,Yellow Submarine,1,
ltr
item
NerdSide Blog: Crítica | Doctor Who: Sleep No More
Crítica | Doctor Who: Sleep No More
https://66.media.tumblr.com/fea18adade5683e8f655222cf1115298/tumblr_inline_nya6wvkRBg1tb7gy8_500.png
https://i.ytimg.com/vi/tGGJeQVQdS8/default.jpg
NerdSide Blog
http://www.nerdsideblog.com/2015/11/critica-doctor-who-sleep-no-more.html
http://www.nerdsideblog.com/
http://www.nerdsideblog.com/
http://www.nerdsideblog.com/2015/11/critica-doctor-who-sleep-no-more.html
true
69582135316299022
UTF-8
Posts Carregados Nenhum post encontrado VER TUDO Leia Mais Responder Cancelar Resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver Tudo Recomendado Para Você TAG ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nenhum resultado encontrado Voltar ao Início Domingo Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para desbloquear Copiar Selecionar All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy