Crítica | Marvel’s Jessica Jones: 1ª Temporada


image


Marvel’s Jessica Jones finalmente estreou e olha, ela causou uma verdadeira comoção por aqui. Foi uma maratona intensa para assistir tudo em um dia só. A produção estreou no dia 20 de Novembro no Netflix e já tem seus 13 episódios disponíveis por lá. A série teve como inspiração a HQ Alias, escrita por Brian Michael Bendis (consultor criativo da série) e desenhada por Michael Gaydos, que teve muitas de suas marcas impressas na abertura. 

Esta é a segunda série da Marvel em parceria com o serviço de streaming, criada por Melissa Rosenberg e Liz Friedman, juntamente com Jeph Loeb, após o sucesso absoluto de Demolidor. Jessica Jones é estrelada pela atriz Krysten Ritter, que inclusive estará no Brasil em dezembro para a CCXP 2015 juntamente com David Tennant, que interpreta o vilão Killgrave/Homem Púrpura.  O elenco também é acompanhado por: Mike Colter (Luke Cage), Rachael Taylor (Trish Walker), Carrie-AnneMoss (Jeryn Hogarth), Eka Darville (Malcolm), Erin Moriarty (Hope) e Wil Traval (Will Simpson). 

A HQ que inspirou a série faz parte do selo Marvel Max, que foi criado em 2001 e consiste numa linha de quadrinhos “proibidos” para menores de idade. As histórias desse selo possuem um conteúdo adulto, explícito, violento e até sexual. Bem diferente dos quadrinhos da Marvel, com heróis de uniformes coloridos. Da mesma forma, Marvel’s Jessica Jones contrasta com o universo cinematográfico da Marvel e posso garantir que o Capitão América teria muito mais problemas aqui do que só os palavrões.


image


A primeira coisa que precisa ser esclarecida a respeito de JJ é que não se deve esperar por uma espécie de extensão de Daredevil. Apesar de se passar no mesmo bairro de NY, essa não é uma série sobre “fazer de Hell’s Kitchen um lugar melhor”. Nem todo episódio oferece cenas de luta excepcionais e muito menos ela tem uma dupla identidade. A principal diferença entre Daredevil e JJ é que ele quer ser um herói e ela já desistiu disso faz tempo.

Jessica até tentou ser uma super-heroína, a série não mostra muito profundamente o passado dela, mas através de flashbacks vamos entendendo melhor a história de Jessie. Aparentemente ele adquiriu os poderes no acidente de carro que matou seus pais e seu irmão, então ela foi adotada pela família de Patsy Walker (a Felina, que aqui aparece numa versão civil, sem poderes, mas ainda assim muito boa de luta). Jessie então percebe que ela pode usar suas habilidades para fazer a diferença, mas quando decide fazer, acaba chamando a atenção de Zebediah Killgrave.

Não é nem preciso dizer que ele rouba a cena, um personagem brilhantemente assustador feito por David Tennant (Doctor Who). Killgrave também possui poderes, ele consegue manipular as pessoas para seguirem suas ordens. A partir do momento em que ele coloca os olhos nela, Jessica Jones se torna escrava dos desejos e vontades do Homem Púrpura. 


image


Jessica foi obrigada a viver com Zebediah, sendo violada física e psicologicamente por ele. Killgrave fazia com que ela assistisse e participasse de suas crueldades. E o pior do poder dele é que ele faz com que a pessoa sinta que quer muito fazer tudo isso. Extremamente abusivo. Extremamente violento.

Através de vários flashbacks que formam um quebra cabeça, é revelado como Jessie conseguiu se libertar das garras de Killgrave, mas o trauma de ser manipulada ainda a afeta. Marvel’s Jessica Jones é um suspense psicológico e esse trauma é tão intenso que muitas vezes eu mesma me confundia, sem saber se Killgrave estava mesmo perseguindo Jessie ou se eram só alucinações dela por conta do transtorno do estresse pós-traumático (TEPT).

Killgrave se torna mais assustador a medida que percebemos que ele tem poderes para controle da mente, sim, mas que ele poderia fazer aquilo tudo sem eles. Claro que, no caso das HQs, é um poder fantástico, simbólico e com proporções irrealistas. Mas na vida real existem incontáveis Killgraves, que agem de outras formas, mas alcançam um resultado igualmente devastador. Causando dor, humilhação, traumas, depressão e morte.  Ou seja, mesmo que Killgrave seja vivido pelo fofíssimo do David Tennant e ele sempre seja o meu 10th em Doctor Who, ele não é o tipo de vilão que se ama odiar. Você simplesmente tem nojo e repulsa.


image


Durante mais um de seus casos como investigadora particular, Jessica descobre que o pior está acontecendo: Kilgrave está de volta. Não somente testemunhamos a vida dela se transformar num inferno, com a sensação de ser observada e a insegurança de até mesmo atender a porta, mas vivemos isso junto com ela. Mas mesmo traumatizada e com medo, ela decide caçar o Homem Púrpura antes que ele possa machucar mais alguém por causa dela.

Como é de se esperar, tem referências espalhadas por todos os episódios só esperado para serem notadas. Além disso, Marvel’s Jessica Jones mostra uma NY cada vez mais receosa com os “dotados” depois do desastre da batalha travada pelos Vingadores no cinema. Esse tema será abordado novamente em Capitão América: Guerra Civil, e aqui notamos o ambiente ainda mais hostil em relação a pessoas com poderes.

A fotografia é simplesmente fantástica, com cores frias que dão um ar ainda mais sombrio para a série e os tons de violeta, que aparecem toda vez que há perigo iminente. Aliás, acho que essa foi uma ótima aposta, usar o roxo nas roupas do Homem Púrpura e no ambiente ao invés de sua pele. A única coisa que me deixou um pouco desconfiada foi Hell’s Kitchen não parecer a mesma de Daredevil, talvez por que lá a ação aconteça predominantemente a noite, tive essa impressão.

image


Krysten Ritter se encaixou perfeitamente no papel de Jessica Jones, no começo a escolha gerou muitas dúvidas por conta de suas atuações anteriores, que eram principalmente séries de comédia, por exemplo em Don’t Trust the Bitch in Apartment 23. Mas muito além da atuação, está a importância do papel que ela está vivendo num mundo de heróis masculinos. O mesmo mundo em que a Viúva Negra nem conseguiu uma versão em brinquedo, mesmo fazendo parte oficial dos Vingadores.

Jessica Jones não é uma heroína comum. Ela não desiste dos interesses pessoais. Ela representa uma mulher comum e que está longe de ser perfeita, mas que ao mesmo tempo tenta fazer o que acha que é certo. Ela não depende de ninguém, nem mesmo de Luke Cage, seu interesse amoroso e que eu imaginei ter um papel infinitamente maior na série. Ela tenta afastar todos que ama para protegê-los e conta com pouquíssima ajuda para vencer. Além disso, também chama a atenção a talentosa Carrie-Anne Moss no papel de Jeri Hogart, uma das primeiras personagens gays da Marvel. O papel foi adaptado do original masculino dos quadrinhos: Jeryn Hogarth.

O protagonismo da mulher ainda tem espaço para melhorar nesse e em outros trabalhos do Universo Marvel. Mas por ora, palmas para os responsáveis pela execução desse projeto, que conseguiram majestosamente dar vida à alguém tão complexa quanto Jessica. Espero que o sucesso dessa série incentive a produção de outras séries/filmes de heroínas. Se você ainda não assistiu, confira o trailer depois corra para o Netflix!




Não esqueçam de deixar seus comentários aqui embaixo! 

COMENTÁRIOS

Nome

A Casa de Vidro,1,A Colina Escarlate,1,A Espada do Verão,1,A Garota Dinamarquesa,1,A Garota do Trem,1,A Menina Distraída,1,A Noiva Fantasma,1,A Saga do Bruxo Geralt de Rívia,2,A Toca das Fadas,1,A Torre Negra,2,A Última Era,1,Alan Goldsher,1,Alexandra Bracken,1,Alice Através do Espelho,1,Amazon,1,AMC,3,American Horror Story,1,Amnesia,1,Ana Cristina Rodrigues,1,Android,2,Andrzej Sapkowski,1,Animacoes,6,Animais Fantásticos e Onde Habitam,2,Anna Fagundes Martino,1,Antologias,1,Apenas um Show,2,Arkane Studios,1,Arqueiro,1,Arrow,1,Artigos Cinema,4,Artigos Jogos,3,Artigos Literatura,12,Artigos Música,1,Artigos Séries,4,As Gêmeas do Gelo,1,Back To The Future,1,Batman,2,Batman Day,1,Batman: Arkham VR,1,Bear Grylls,1,Bertrand Brasil,2,Bethesda,1,Bienal do Livro 2016,3,Biohazard,1,Blindspot,2,Blood and Wine,1,Bob Dylan,1,Book4You,1,Branca dos Mortos e os Sete Zumbis,1,Bruno Bock e Rolandinho,1,Capitão Planeta,1,Carlos Fleury,1,Carol Rossetti,1,Cartoon Network,1,CD Projeckt RED,2,Chameleon Circuit,1,Charlie Choo-choo,1,Christopher Lloyd,1,Chromecast,1,Chuck Wendig,1,Cinema,21,Clara Madrigano,2,Companhia das Letras,1,Contos,1,Contos do Dragão,1,Cores,1,Cosplay,1,criticas-cinema,3,criticas-series,28,Cthulhu Virtual Pet,1,Curiosidades,1,CW,8,DarkSide,1,Daydream,1,DC,13,DC's Legends of Tomorrow,1,De Volta Para o Futuro,3,Dia da Toalha,1,dia das crianças,7,Dia do Baterista,1,Dia do Orgulho Nerd,1,Dishonored 2,1,Disney,1,Doctor Who,16,Douglas Adams,1,EA Acess,1,EA Games,1,Editora Aleph,1,Editora Dame Blanche,1,Editora DarkSide Books,1,Editora Draco,7,Editora Hedra,1,Editora Lendari,2,Editora Mundo Uno,1,Editora Novo Conceito,2,Editora Record,3,Editora Selo Jovem,6,Ensaio Sensual,1,Especial Natalino,1,Estilo,1,eventos,3,Fábio Yabu,1,Fear The Walking Dead,1,FML Pepper,1,Fotografia,1,Galera Record,1,Game of Thrones,1,Gameplay,1,Games,4,Géssica Marques,2,Gilmore Girls,1,God Hand,1,Gone Home,1,Google,1,Google Wifi,1,Guardiões da Galáxia,1,Guilhermo Del Toro,1,Halloween,1,HarperCollins,1,Harry Potter,4,Heroes,2,Heroes Reborn,2,Hijab,1,HOP,1,Horror em Gotas,1,HQs,7,Hulu,1,Indiecacao,3,Into The Badlands,1,Inverso,1,iOS,2,Iron Heart,1,Iron Man,1,It: A Coisa,2,iZombie,1,J. R.R. Tolkien,1,J.K. Rowling,1,Jackaby,1,Jessica Jones,1,Joe Schreiber,1,jogos,16,Johnny Depp,1,Journey,1,Joyland,1,Jumanji,1,Justiceiro,1,Karen Alvares,2,KDP,1,Kindle,1,Kingdoms of Amalur,1,lançamentos,4,lancamentos-cinema,2,lancamentos-livros,7,Leandro Souza,1,LEGO,1,Leonardo DiCaprio,1,Life is Strange,2,Liga da Justiça,1,listas-series,1,Livros e HQs,63,Lobo da Estepe,1,Lost,1,Maníacos Por Comics,1,Marcas da Guerra,1,Marjane Satrapi,1,Maroon 5,1,Marvel,5,Maze Runner,1,Mestre Gil de Ham,1,Microcontos de Fadas,1,Mirror's Edge,1,mobile,3,Mr. Robot,1,Mulan,1,Mulher Maravilha,2,Mulheres,1,Música,6,musica-nerd,1,Mystery Box,1,Nancy Holder,1,Não Pare!,1,NerdJam,1,NerdLoot,1,NerdSpell,1,Netflix,7,Netflix vs Prioridades,1,News,53,Novembro de 63,3,Novo Conceito,1,Novo Século,1,O Despertar da Força,3,O Futuro Vem da Tinta,1,O Guia do Mochileiro das Galáxias,1,O Prisioneiro dos Daleks,1,O Último Desejo,1,O Último Gargalo de Gaia,1,Okami,1,Oscar,1,Overwatch,1,Parceria,9,Passengers,1,Paula Hawkings,1,PC,1,Penny Dreadful,1,Pennywise,2,Persépolis,1,Pipocando,1,Pixel,1,Playstation,9,Poeme-se,1,Pokémon GO,3,Por Enquanto,1,Porcelana,2,Preacher,2,Prêmio Nobel de Literatura,1,Promoções e Sorteios,5,Prova de Fogo,1,PS3,1,PS4,3,Punho de Ferro,1,Queen,1,Rami Malek,1,Resenhas,32,Resident Evil,1,Resident Evil VII,1,reviews-games,7,Revista Avessa,1,Revista Geeks,1,Revista TIME,1,Rick Riordan Magnus Chase,1,Riri Williams,1,Rocco,1,Rogue One,2,S.K. Treymane,1,Sailor Moon,1,Scott Pilgrim,1,Seguinte,1,Sense 8,1,Series e TV,48,Setembro Amarelo,1,Singularity,1,Sir James Matthew,1,Sony Pictures,2,Square Enix,1,Star Trek,1,Star Wars,9,Stephen King,7,Steppenwolf,1,Steven Universe,1,Stranger Things,1,Suma de Letras,1,Supergirl,3,Superman,1,TAG,1,Tech,4,Testes e Quizzes,4,The Beatles,1,The Darnish Girl,1,The Flash,7,The Game Awards,1,The Walking Dead,1,The Witcher,5,The Witcher III,2,Tim Burton,1,Toy Story,1,Trailers,13,Trevor Baxendale,1,Troopers da Morte,1,TV Show Time,1,Um Gato de Rua Chamado Bob,1,Única Editora,1,Valentina,1,Van Helsing,1,Vanessa Bencz,2,Vanquish,1,Vans,1,Voo Fantasma,1,VR,1,Warner,3,Wattpad,1,Wayne de Gotham,1,Wild Hunt,1,William Ritter,1,WMF Martins Fontes,1,Wonder Woman,1,Xbox,6,Xbox 360,1,Xbox One,1,XONE,1,Yangsze Choo,1,Yasmin Moraes,1,Yellow Submarine,1,Zumbeatles,1,
ltr
item
NerdSide Blog: Crítica | Marvel’s Jessica Jones: 1ª Temporada
Crítica | Marvel’s Jessica Jones: 1ª Temporada
https://67.media.tumblr.com/a791bd412ad8e4b8df3339ae0f14d39b/tumblr_inline_ny6f1xdx0j1tb7gy8_500.png
https://i.ytimg.com/vi/w9ATGrij5qI/default.jpg
NerdSide Blog
http://www.nerdsideblog.com/2015/11/critica-marvels-jessica-jones-1.html
http://www.nerdsideblog.com/
http://www.nerdsideblog.com/
http://www.nerdsideblog.com/2015/11/critica-marvels-jessica-jones-1.html
true
69582135316299022
UTF-8
Posts Carregados Nenhum post encontrado VER TUDO Leia Mais Responder Cancelar Resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver Tudo Recomendado Para Você TAG ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nenhum resultado encontrado Voltar ao Início Domingo Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para desbloquear Copiar Selecionar All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy